mar/29

Ficcionando Entrevista #002

Oi gente bonita!

O Ficcionando traz agora para vocês a segunda entrevista do site. E a escolhida dessa vez é a vencedora do Especial #001: Flávia Coelho.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Qual foi a primeira coisa que passou a sua cabeça quando recebeu o resultado do Especial #001?

Flávia: Eu fiquei muito feliz, porque, por mais que algumas pessoas não vejam assim, eu acho que é algo bastante importante para quem escreve. É uma forma de reconhecimento. E eu acredito que é o que todas as autoras deveriam ter.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Porque você decidiu participar do Especial e o que te inspirou para escrever Ghost Of You?

Flávia: Eu normalmente não participo de especiais ou desafios, pois eu nunca me identifico com o tema, mas foi diferente com esse especial. Eu estava pensando em uma outra história, o qual eu usaria a música Ghost Of You do Good Charlotte, e achei que daria para fazer uma songfic com ela, e aí quando publicaram o especial, eu vi que poderia usar essa ideia, sem que perdesse as características que eu quisesse que essa fanfic tivesse. E ainda veio em um ótimo momento, pois eu estava no meio de um bloqueio criativo.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Há quanto tempo você escreve? Isso começou como?

Flávia: Se eu não me engano, eu escrevo desde o 1º ano do Ensino Médio, há uns 7 anos, mas era totalmente diferente do que eu escrevo hoje, eu era péssima em desenvolvimento, escrevia coisas bem simples e com o tempo eu fui parando, já que eu não estava feliz com o que eu fazia. Aí há uns 2 anos eu voltei, com essa intenção, em melhorar meu desenvolvimento, com isso veio a fanfic Steps to a Life Together, e eu acabei gostando dessa evolução e agora não paro mais. Pretendo continuar.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Você tem algum tipo de rotina na hora de escrever? Como um horário, um lugar, uma trilha sonora ou algum tipo de aquecimento?

Flávia: Mais ou menos, não é algo certo, pois eu dependo muito da minha inspiração no dia e na hora que eu queira escrever, mas, normalmente, eu escrevo à noite, depois das 21 horas, pois é quando minha casa está mais silenciosa, e eu estou com menos preguiça. Eu também costumo escrever no meu quarto, sozinha, na minha cama, e eu normalmente estou ouvindo música, qualquer música, normalmente quando é alguma cena específica que tem alguma música especial por trás dela, é a música que eu ouço, mas não necessariamente. E eu normalmente não faço nenhum tipo de aquecimento, acho que o principal é escrever, então ficando do jeito que gostou ou não, é o principal, depois é só deixar o texto descansar e voltar na revisão.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Se inspira ou já se inspirou em alguma situação real ou pessoa para criar suas histórias e personagens?

Flávia: A maioria das minhas histórias tem algum ponto baseado na vida real. Uma característica, um lugar, alguma situação da minha vida, mas nem sempre. As vezes é bom sair da casinha.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Qual a maior dificuldade e facilidade na hora de escrever?

Flávia: Acho que a maior dificuldade é quando você está com bloqueio criativo, pois você tem que achar formas de sair desse bloqueio e não é tão fácil, então você fica martelando com a cabeça, escrevendo coisas que não ficam tão boas, mas você tem que persistir que uma hora vai voltar ao normal.
E a facilidade, acho que é exatamente o contrário, quando você tem a ideia pronta na sua cabeça, certa e amarrada e você só precisa sentar e escrever. Isso é muito relaxante, pois parece que tudo está em sintonia. Então, creio que o principal é ter um roteiro montado na cabeça.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Você tem algum recado ou palavras de incentivo para quem hesitou em participar do Especial?

Flávia: Nem sempre a gente se identifica com os temas propostos, mas acho que participar de especiais, participar de desafios é importante, exatamente para nos desafiar, talvez nos tirar da nossa zona de conforto, ou até nos distrair de um bloqueio criativo. Creio que o importante é escrever e treinar, e isso nos dá essa chance.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Ficamos sabendo que, além de você, mais uma pessoa da sua família escreve fanfics. Como é essa relação de vocês, quem apareceu com a ideia de escrever fics? Vocês leem as histórias uma da outra?

Flávia: Sim, minha irmã, ela também escreve. Mas nossa, eu nem vou lembrar. A gente lê fanfics interativas há muito tempo, acho que desde que os primeiros sites apareceram e aí com o passar do tempo, a gente decidiu fazer nossos próprios trabalhos, e testar, ver o que ia rolar, o que ia acontecer, mas não vou conseguir quem começou ou quando.
Por incrível que pareça, raramente uma lê as histórias da outra. Acho que o motivo principal é o tema em que cada uma escreve, eu sou mais de histórias com os atores que eu gosto e ela escreve com as bandas favoritas dela, então normalmente não lemos, mas sempre estamos dividindo as ideias uma com a outra, mesmo que não seja para palpitar, mas só para contar mesmo, já que nós não lemos a história da outra, a gente fica por dentro do que vai acontecer, onde e quando, e se deixar a gente não fala de outra coisa. E com esses papos e pelo fato de morarmos juntas, normalmente somos as primeiras a saber as ideias e os possíveis spoilers!

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Você costuma ler outras fanfics? Se sim, você tem alguma que curte, uma favorita? Tem alguma indicação para a galera?

Flávia: Pior que não. Agora que eu tenho escrito mais, eu não tenho lido o quanto que eu gostaria de ler. Porque eu acho que se eu ler outras histórias, eu posso ter ideias para a minha e eu não gosto disso, acho que a criatividade é o principal, acima de tudo. E também pelo fato de que o tempo que eu leio uma fanfic, eu posso estar adiantando as minhas, então é meio que um acordo. Eu não leio, mas eu adianto as minhas.

 

⦁ Ficcionando Pergunta: Por fim, deixe um recado para os seus leitores e um convite para a galera conhecer suas fics.

Flávia: Acho que primeiro, eu tenho que agradecer, pois não parece, mas é uma felicidade enorme a gente ter pessoas que leem nossas histórias, que nos acompanhem, que estão loucos para saber os próximos capítulos, os próximos acontecimentos e tudo isso porque a gente escreve.
E para as pessoas que não conhecem as minhas histórias, eu gostaria de convidá-los para ler. Eu escrevo histórias que poderiam ser reais, sempre com romances, comédia e sempre com um toque de drama.. Meu foco é histórias com o Chris Evans e com o Liam Hemsworth, meus dois atores favoritos, por isso que às vezes eu uso fatos da vida real deles. Mas as vezes eu escrevo histórias sem personagens definidos, como foi o caso de Ghost Of You. Espero que venham conhecer e que gostem.

 


 

 Você pode ler Ghost Of You, a fic ganhadora do especial, aqui.

A Flávia também é autora de 5 Dias na Austrália, Steps To A Life Together, entre outras. Visite a página da autora.

Postado por Ficcionando em 29,março,2016---Sem Coment|Categoria: Entrevista


0 Coment.

Comente aqui!


FICCIONANDO |TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | 2015